Gratidão

6 de mai. de 2020

Me questionaram "Como é que pode acordar feliz assim numa segunda-feira, e cedo?" A resposta para essa pergunta é algo que têm tomado conta do meu coração de uma forma tão gostosa e libertadora, a gratidão.
Sei que talvez soe um tanto quanto clichê falar sobre gratidão, mas eu sinto que é algo que a gente fala tanto mas pratica tão pouco, e ela está transformando a minha rotina de uma forma que vale a pena correr o risco de entrar para o "clichê".

Eu não sei exatamente onde essa onda começou, não sei te dizer quando exatamente eu comecei a ser mais grata e, consequentemente, mais feliz, o que é eu sei é que não existe uma fórmula mágica, não é uma receita de bolo, nem algo que acontece do dia para a noite. Qualquer mudança interna que tenha um impacto absurdo e bom, é algo que é construído e exige uma manutenção diária. O mais legal de tudo, é que é possível pra todo mundo.
Acho que de tanto vermos notícias trágicas todos os dias, de tanto acesso que temos á tudo o que está acontecendo no mundo todo, se iniciou em nós todos uma vibe ruim, sabe? Um incentivo á reclamação, á insatisfação, á inércia, á impossibilidade. Mas as coisas boas continuam se propagando, continuam sendo (e talvez até mais) possíveis.
O que eu fiz foi usar esse bombardeio de notícias ruins para criar um parâmetro em mim. Todos sabemos quantas coisas ruins existem no mundo e podem acontecer, certo? Mas e as coisas incríveis que podem acontecer conosco? Em quais você está focado? Pois é isso que vai determinar a sua vida, a sua rotina, e até mesmo os seus resultados, o seu destino, desde que você realmente queira.

"Gratidão é se desacostumar das coisas" Jout Jout

Eu passei a sentir uma gratidão incrível ao acordar todos os dias, acordo e penso "Caramba, eu tô viva!" Abro a janela, olho o sol, olho o céu, a aprecio de verdade, agradeço de verdade. Eu passei a me "desacostumar" com as coisas. A gente se acostuma demais com tudo, por isso achamos sempre que temos pouco, mas se você parar para listar o tanto de coisas que você possui, materiais e não materiais, você vai perceber o quão rico você é. Faça isso todos os dias! Eu criei esse hábito, diariamente me sinto privilegiada (o que de fato sou, o que de fato somos, simplesmente por viver).

"A gratidão transforma o que temos em suficiente"

Agradeço todas as manhãs por acordar, por ter tido uma cama para dormir, agradeço por ter um café da manhã, pelo alimento, pela roupa que me veste, pelo corpo que funciona, pelo ar que eu respiro, pelas oportunidades, por cada pessoa que me cerca, pelo amor, por qualquer coisa que seja tão boa e mereça gratidão.
Agradeço no almoço, agradeço no jantar, agradeço á cada começo, á cada final, a cada "deitar".
Aquela frase "Muita gente ora para ter a vida que você tem hoje" é real! Ainda que você tenha dificuldades, você está muito melhor que muita gente por aí. Acredite, compreenda a dimensão disso tudo e agradeça!

"A gratidão nos impulsiona á ir ainda mais longe"

Quando começamos à agradecer por tudo o que acontece, quando realmente entendemos o quão abençoados somos e começamos de verdade à nos sentir gratos e abençoados, exatamente tudo muda. Nos tornamos seres humanos mais felizes, porque percebemos a beleza da vida nos detalhes, começamos a ter percepção e sensibilidade, nada que acontece de bom nos passa despercebido. Quando essa forma de ver a vida começa a se tornar prática e automática, a vida fica muito mais feliz e intensa.
Nos tornamos seres humanos mais empáticos, porque olhamos para as dificuldades dos outros, nos disponibilizamos mais para ajudar, para abraçar, para notar o outro.
Nos tornamos capazes. Ser grato pelo o que você tem e é não é sinônimo de estagnação, e não é para ser! Na medida que percebo a vida e os valores, também percebo o quanto ainda existe, para conhecer, para aprender, para descobrir, para sentir, para olhar, para tornar real, para agradecer.
A gratidão torna o que tenho em suficiente, mas me abre o apetite para desbravar o mundo, me instiga a fome de conhecer o que existe além do horizonte, me desperta o desejo de conhecer, de aprender, me impulsiona, me faz sonhar e me empurra para ir além. Me faz sentir liberdade, alegria, e curiosidade. Me faz me sentir abençoada á cada manhã que me levanto da cama, e me pede para tirar o pijama ainda mais cedo e correr para tornar conhecido o futuro. A gratidão me tornou alguém feliz, satisfeita, mas ao mesmo tempo doidinha e capaz, me fez ver potencial, me fez gostar da minha presença e entender que, quanto mais eu agradeço, mais existem coisas para agradecer. Quanto mais eu descubro motivos de gratidão, mais existem motivos de gratidão para eu descobrir.

Treine a sua mente, o seu coração, a sua alma, para ver o lado bom das coisas, para enxergar as riquezas que você já tem, e aquelas que ainda existem para possuir. Você pode! Você consegue! E você merece!

Gratidão! <3

Esse texto foi escrito por Amanda Gabrielle. Repostei pois reflete o que eu sinto no momento.

Como descobrir o seu estilo Harajuku?

4 de mai. de 2020

Olá meu Unicórnio Fabuloso, tudo bem? Lá no meu instagram @naosouumait eu tenho feito uma série de postagens sobre estilos Kawaii/Harajuku. Já falamos sobre o Estilo Mori Kei no mês de fevereiro, sobre o estilo Pastel Goth no mês de Março, e agora estou dedicando o feed para falarmos sobre como começar a ser Kawaii. Em uma dessas séries de postagens, eu publiquei uma Kawaii Check, que é uma lista de coisas para você fazer para começar a ser Kawaii, e nela tem a opção de escolher um estilo Harajuku que combine com você, com seus gostos, com seus ideais. Então hoje, eu vou te dar dicas de como você irá escolher o seu estilo Harajuku!
Uma das maiores formas de você mostrar ao mundo quem você é, é através da forma que você se veste. As vezes ficamos acompanhando tendência ou ficamos comprando roupas que faz parte do estilo de alguém que admiramos e queremos nos parecer. Mas as suas roupas realmente mostra a sua realidade? Mas como descobrir o próprio estilo?

Se você não tem um estilo definido, pode apenas misturar peças que você considera kawaii.

♥ O clichê: Seja... Isso mesmo. Seja você!

Uma das características mais importantes de quem tem estilo é a confiança. E para ser confiante, é preciso estar confortável e da maneira que te agrada. Não se preocupe demais com o estilo dos outros ou com as tendências, procure vestir cores e tecidos que sejam do seu agrado, e os combine da maneira que você preferir. Seja você mesmo!

♥ Inspire-se!
Faça uma pasta no seu celular com as fotos das pessoas que você considera mais bem vestidas: O que elas têm em comum? Saber o que você acha bonito no estilo das outras pessoas pode ser o primeiro passo para descobrir o que você vai se sentir bem usando. Olhe em blogs, no Instagram e no Pinterest. Para saber qual é o seu estilo, o melhor caminho é conhecer vários estilos diferentes.

Se engana quem acha que estilo Kawaii são apenas estilo que usam cores vibrantes ou em tons pastéis. Estilos como Dark Lolita que usam preto e Mori Kei que usam tons terrosos também são muito kawaii!
♥ Pesquise ou peça ajuda!
Ninguém nasce sabendo, ninguém é obrigado e é impossível entender de todos os estilos Harajuku mas infelizmente na comunidade kawaii do Brasil, um quer saber mais que o outro e te julgam por você não saber certas informações ~Desculpa a sinceridade. Mas mesmo assim, não tenha medo de procurar informações na internet e de perguntar suas duvidas para as pessoas que são adeptas ao estilo que você gosta.

♥ Respeite sua estética.
Não pense que estilos Harajuku Kawaii são apenas os mais famosos (Lolita, Fairy Kei, Decora, etc) e que você só vai estar kawaii se usar roupas em tons pastéis, cores vibrantes ou saias de pregas. No Kawaii existem vários estilos e muitos deles não são obrigatório o uso de roupas em tons pastéis ou coisas relacionadas.


♥ Não se prenda a apenas um estilo!
Para ter um estilo não é necessário ficar preso apenas nele. Todos temos diversas facetas na nossa personalidade. Seus looks também podem ser assim. Você ama o estilo Yami Kawaii, mas também ama coisas em tons terrosos? Ambos têm espaço no seu guarda-roupa. Acredite no seu instinto!

♥ Não se prenda a peças importadas.
Não sei de onde tiraram que para ser kawaii ou seguir um estilo Harajuku é preciso usar apenas roupas compradas na internet importadas da Ásia. Se você entende sobre o estilo que segue, você pode compor lookinhos maravilhosos usando peças compradas nas lojas perto da sua casa e até mesmo em brechós!

Qual estilo Kawaii Harajuku você mais gosta?

Tendência: Primavera/Verão 2020 parte 1

7 de jan. de 2020

Desde muito pequena eu sempre fui apaixonada por moda. Sempre gostei de acompanhar as tendências do ano mas é claro, usava apenas o que eu realmente gostava e montava as composições totalmente fora do padrão. E hoje seguindo o estilo kawaii, fico bastante incomodada com o fato de que quando olho os looks das kawaii girls brasileiras são sempre as mesmas coisas: Blusinha de renda e saia de pregas. AAAAAA alguém aposenta as saias de pregas das kawaii girls pelo amor de Deus! "Mas Lilly, é difícil ser kawaii no Brasil!" Besteira! Eu estou no universo kawaii desde 2008, desde quando tudo isso era mato! Em 2008 sim era difícil ser kawaii no Brasil, hoje em dia você encontra várias coisas kawaii até na esquina. É sério, eu encontro coisas kawaii na esquina da minha casa. Hoje é dia de mostrar a vocês que dá pra ser kawaii acompanhando as tendências de moda. É só saber escolher as peças certas! Confira uma listinha que preparei especialmente para você ficar antenadx nas tendências Primavera/Verão 2020!

Plastificados
Cadê as Kawaii Girls nascidas nos anos 90? Lembra da moda plástica? Sim! E aquelas sandálias transparentes? Elas viraram febre nos anos 90 e voltou com tudo, inclusive nos desfiles da dona Chanel, Chique! O divertido desse tipo de tendência, é que está presente tanto em calçados, quanto em roupas, acessórios e mais, conferindo um ar moderno, ousado e marcante, ou seja, a cara do verão 2020.

Wrap Dress
Você deve não conhecer de nome mas com certeza você já viu um Wrap Dress. É um estilo de vestido, com inspiração nas francesas, que une amarrações, fendas, decotes, e outros de uma maneira delicada. Nesse estilo de vestimenta geralmente temos babados, estampas, muitas cores que dão um ar sofisticados e fofo. É uma das tendências que está super em alta para o verão 2020.

Listras

Listras são as queridinhas e são obrigatórias no armário de qualquer Kawaii Girl e Kawaii Boy. São peças versáteis, coringas, que combinam com qualquer ocasião. Um acerto para qualquer ocasião é usar uma camisa listrada, um vestido listrado, ou ainda um lenço com listras, para dar aquele ar descontraído para o look. Mas o que vai surpreender todos os kawaii que amam as listras é a nova tendência que prometeu esquentar mais ainda a primavera e o verão, que são as listras coloridas. Roupas com mais cores nas listras são uma das apostas dos fashionistas para as próximas estações, com um ar divertido e descolado.

Bolsa de palha
Redondas, quadradas ou em qualquer formato, as bolsas de palha fizeram a cabeça das fashionistas no ano passado e vão voltar com mais força ainda nas próximas estações. E não só serão usadas para ir à praia, piscina ou algo do tipo. Podem ser usadas em qualquer ocasião. São um verdadeiro charme! Várias executivas estão usando para o casual day e nós kawaii girls também podemos aderir!

A arte de deixar para amanhã

5 de jan. de 2020

Eu passei o ano de 2019 inteiro adiando tudo o que eu deveria fazer. Coisas que eram importantes para mim, eu deixava de lado. Não colocava minhas ideias em pratica. Eu adiava tudo. Minha mente parece que funciona ligada nos 220v, estou sempre tendo ideias criativas. Tenho dois cadernos cheios de ideias para postagens e roteiros para o Não Sou Uma IT, mas ao invés de eu gravar vídeos e criar postagens, eu adiava. Deixei passar várias oportunidades importantes para o blog/canal, deixei de encontrar meus amigos, deixei a arrumação do meu guarda roupas pra depois.
Comecei a me sentir mal por ver que a minha vida estava parada, as coisas não aconteciam, meus amigos se afastaram de mim. Finalmente parei para analisar a minha vida. A única culpada de tudo isso era eu! Eu estava me autosabotando! Eu estava acabando com as expectativas de crescimento na minha vida... Eu teria que mudar!
Depois de reconhecer o problema e decidir mudar, eu me esforcei para parar de procrastinar. Procrastinar é o ato de adiar intencionalmente o inicio ou o termino de alguma coisa que você iria fazer, mesmo sabendo que essa ação não é uma boa ideia. É uma forma de evitar o estresse que tende a piorar ao longo prazo.
No meu caso, eu procrastinava por medo do futuro, medo de tudo o que me tirava da zona de conforto e tudo o que saía do meu controle... Pois é, eu achava que tinha controle sob a vida.
Para parar de procrastinar eu tirei da minha cabeça que eu preciso estar com vontade de fazer algo para fazer algo. Mesmo sem vontade, precisamos fazer porque ninguém irá fazer por nós. Eu não quero mais viver deitada apenas sonhando, eu quero levantar e fazer meu sonho ser realizado. Não adianta querermos conquistar o mundo e não querer pagar o preço de nos concentrarmos, nos dedicarmos, trabalharmos para isso.
Eu comecei a me policiar, a cuidar de mim e me responsabilizar pela minha vida. Me autodisciplinar para eu fazer o que preciso fazer, me valorizar o bastante e acreditar no meu potencial. Não preciso me preocupar com o futuro porque Deus tem o controle da minha vida e eu decido o rumo que quero dar a ela.

Esse texto foi escrito por mim. Se quiser reblogar escreva nos comentários avisando e coloque os devidos créditos.

K-Pop: Monsta X sem Wonho

3 de nov. de 2019

Cada dia que passa mais escândalos no universo do k-pop têm aparecido. Depois das acusações feitas por sua ex-namorada Jung Da Eun, o idol Shin Hoseok, mais conhecido como Wonho, anunciou sua saída do grupo de K-Pop Monsta X. A Starship Entertainment, agência responsável por eles, emitiu um comunicado afirmando que as alegações contra o cantor são falsas e que está avaliando tomar medidas legais devido à propagação de rumores.

Segundo a atriz, o cantor lhe devia dinheiro e ainda havia roubado alguns de seus pertences para vendê-los na internet. Ela revelou que, quando os dois moravam juntos, Wonho não pagou sua metade do aluguel. “Meus 10 milhões de wones (R$ 34,3 mil) foram roubados”, disse, em uma suposta conversa com o advogado do artista. “Ele também […] pegou emprestado uma vez 3 milhões de wones (R$ 10,3 mil) e, em outra situação, 5 milhões de wones (R$ 17,1 mil) – sempre prometendo me pagar de volta”.

Em nota publicada nas redes sociais do septeto, a companhia afirma que o contrato do astro foi rompido "de forma amigável" após uma "longa conversa".
"Nós respeitamos a decisão do Wonho de querer que os acontecimentos recentes não interfiram nas coisas boas que vem acontecendo com o Monsta X. Nós iremos continuar a tomar medidas legais contra essas acusações maliciosas e distorcidas. Nos desculpamos profundamente por qualquer inconveniência que isso tenha causado aos fãs", dizia a nota.

Além da acusação de calote, o cantor também foi acusado de ter ficado preso em um centro de detenção juvenil em 2008. Apesar de negar a veracidade dos rumores, a gravadora ressaltou na nota que Wonho preferiu deixar o Monsta X para evitar impactos negativos na carreira do grupo.
Pouco tempo depois do anúncio de sua saída, Wonho escreveu uma carta para os fãs se desculpando pelo ocorrido. "Primeiro, eu gostaria de me desculpar por não ter conseguido manter a promessa de que eu apenas iria trazer boas memórias e por causar sofrimento aos meus fãs. Eu também queria me desculpar por ter preocupado tantas pessoas com meus problemas pessoais", disse o músico.
"Houve um tempo que eu era imaturo e cometi grandes e pequenos erros. Mas depois que eu me tornei um 'trainee' e consegui debutar, eu fiquei na linha e trabalhei duro para evitar ficar com vergonha de mim mesmo", continuou.

Na mensagem, ele também agradece aos membros do grupo pelas boas memórias que teve com o Monsta X. "Eu gostaria de dizer a eles que eu sou muito grato por tudo e que amo a todos. Eu peço desculpa pelo mal que os causei por conta dessas situações ruins. Eu tomei essa decisão após ver várias pessoas enfrentando dificuldades por causa de mim".
No final do texto, Wonho ainda pede para que os fãs continuem apoiando e dando força ao Monsta X.
Após o anúncio da saída do músico, a Starship também informou que alguns compromissos do grupo foram adiados. Na segunda-feira, 28, o Monsta X lançou o videoclipe da música "Follow" e o mini-álbum de estúdio "Follow: Find You".